Saque imediato do FGTS acabou? Calendário fica diferente para 2020

Apesar de estamos em um novo ano, o calendário de pagamentos do saque imediato do FGTS segue funcionando e está cada vez mais próximo de ser encerrado. Os trabalhadores que ainda não retiraram seu benefício têm até o dia 31 de março, data limite no calendário, para poder sacar a quantia, caso contrário a quantia só poderá ser utilizada sob situações específicas.

Saque imediato do FGTS continua em 2020 com prazo final mais próximo
Saque imediato do FGTS continua em 2020 com prazo final mais próximo

Para poder sacar parte do fundo de garantia é preciso ir até uma unidade da Caixa Economia Federal apresentando o CPF, RG e carteira de trabalho. Os correntistas vinculados ao banco podem notificar a instituição solicitando o depósito em suas contas.

Saiba também: Saque aniversário do FGTS: Caixa divulga número de adeptos e impressiona 

Os titulares de conta poupança já tiveram a quantia enviada automaticamente desde o ano passado. Por fim, quem não tiver vínculo com a Caixa precisa ir presencialmente receber o benefício.

O calendário inicial foi finalizado em 2019, por isso não há data específica para realizar o saque. Os trabalhadores, independente do mês de nascimento, podem comparecer até o banco para solicitar o dinheiro. Desde que seja feito até 31 de março de 2020.

Valor do saque imediato do FGTS

Os valores variam de acordo com a situação de cada segurado. A quantia máxima é de R$ 500 por conta no FGTS.

Entretanto, quem até o dia 24 de junho de 2019 (data de aprovação da modalidade) possuía um saldo entre R$ 500 e R$ 998 receberá o valor total (equivalente ao salário mínimo na época).

Por fim, é válido ressaltar que o pagamento é feito por conta, isso significa que o mesmo beneficiário, se tiver mais de uma conta, esteja ela ativa ou inativa, poderá receber a quantia em dobro.

Consultas

Aqueles que estiverem em dúvida se têm direito ou não ao pagamento, podem consultar sua situação por meio do aplicativo do FGTS.

A ferramenta está disponível na versão IOS e Androide e permite que, com o número do CPF, o usuário consiga saber os valores registrados em seu fundo.

Além disso, também é possível realizar a consulta por meio do site da Caixa ou ligando para suas centrais de atendimento.

Sobre o saque imediato

A medida foi criada em 2019, durante o governo de Jair Bolsonaro, e movimentou bilhões na economia nacional. Seu pagamento teve início no mês de setembro e passou por modificações em dezembro.

Segundo o governo, os novos valores contemplam mais de 10 milhões de pessoas e trarão um incremento de aproximadamente R$ 2,6 bilhões em relação ao previsto inicialmente.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Saque imediato do FGTS acabou? Calendário fica diferente para 2020

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA