Seguro DPVAT: saiba como solicitar a indenização sem burocracia

Se você é vítima ou familiar de alguém que sofreu um acidente no trânsito, o seguro DPVAT – Danos pessoais causados por veículos automotores de via terrestre – pode te auxiliar. Ele cobre casos de morte; invalidez permanente, total ou parcial; e reembolso de despesas médicas e suplementares (DAMS). Saiba, lendo esta matéria, como dar entrada no pedido.  

Seguro DPVAT: saiba como solicitar a indenização
Seguro DPVAT: saiba como solicitar a indenização

O instrumento de proteção social dos DPVAT abraça mais de 210 milhões de brasileiros, oferecendo cobertura para vítimas de acidentes de trânsito. O benefício é garantido por até 3 anos dentro das três coberturas previstas em lei. Elas são: 

  • Por morte, com indenização de R$ 13.500;  
  • Invalidez permanente, com indenização de até R$ 13.500, sendo o valor estabelecido de acordo com o local e intensidade da sequela;  
  • Reembolso de despesas médicas e suplementares (DAMS), com valor que pode chegar a R$ 2.700. 

Leia também: Reembolso DPVAT: número de pedidos cresce em 24h e impressiona 

Quais os documentos necessários para pedir o seguro DPVAT?  

Para dar entrada no seguro você precisará levar os documentos obrigatórios até um ponto de atendimento mais próximo da sua casa ou se cadastrar pelo aplicativo Seguro DPVAT. Em cada caso o procedimento será diferente. Aqui vamos explicar um. 

Além de preencher o formulário disponível no site da Seguradora Líder e ter um Boletim de Ocorrência que comprove a veracidade do acidente, saiba o que você deve ter em mãos para pedir o reembolso médico: 

  • RG da vítima (ou CNH, Carteira de Trabalho, Certidão de Casamento ou de Nascimento)
  • CPF da vítima  
  • Comprovante de residência  
  •  Notas fiscais, faturas, cupons fiscais e recibos originais, comprovando o pagamento das despesas médicas 
  •  Recibos e notas fiscais originais de cada médico ou profissional, contendo data, assinatura, carimbo de identificação, número do CRM, número do CPF ou CNPJ e a especificação de cada serviço executado, com valor individualizado e a data em que foi prestado cada atendimento; 
  • Discriminativo com valores e quantidades individuais de cada despesa médica e suplementar, incluindo diárias e taxas, relação dos materiais e medicamentos utilizados e, ainda, exames efetuados com preços por unidade, além dos serviços médicos e profissionais quando cobrados, especificando as sessões do tratamento realizado, os valores, datas, identificação da vítima e do profissional de saúde responsável  
  •  Comprovante do pagamento da coparticipação da vítima no convênio médico,  
  •  Relatório/demonstrativo do convênio médico, informando as despesas de coparticipação da vítima, discriminando os serviços médicos prestados e/ou materiais fornecidos, os valores da coparticipação em cada despesa, com data e identificação da vítima 
  •  Boletim de Atendimento Médico Hospitalar (BAM) 
  •  Solicitação médica de cada despesa suplementar realizada, com a identificação da vítima, médico responsável e/ou demais profissionais de saúde envolvidos no tratamento, com data, assinatura, carimbo de identificação e número do CRM, CPF ou CNPJ 
  •  Receituário médico de cada medicamento prescrito, identificação da vítima e do médico responsável, com data; assinatura; carimbo de identificação; número do CRM, do CPF ou CNPJ  

Com o cadastro correto e os documentos acima, a análise do seu pedido será feita em até 30 dias.

Se for verificada a necessidade de pagamento, ele será depositado na conta corrente ou poupança do beneficiário. Você pode acompanhar o requerimento através do site da Seguradora Líder ou pelo próprio App.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Seguro DPVAT: saiba como solicitar a indenização sem burocracia

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amanda Castro
Amanda Castro é graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) e graduanda de Administração pela Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco (SEE). É responsável pela área de negócios, tráfego e otimização SEO do portal FDR. Além disso, atua como redatora do portal FDR e demais portais de notícias desde 2017, produzindo conteúdo sobre economia, finanças pessoais e programas sociais.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA