C6 Bank faz anuncio surpreendente sobre cobrança do cheque especial

Clientes do C6 Bank podem comemorar, pois estarão livres da nova tarifa bancária. Nas últimas semanas, o Comitê Monetário Nacional (CMN), determinou a aplicação de novas cobranças para aqueles que têm direito ao cheque-especial. Entretanto, a fintech informou que seus clientes estarão isentos e não sofrerão reajustes financeiros.

C6 Bank faz anuncio surpreendente sobre cobrança do cheque especial
C6 Bank faz anuncio surpreendente sobre cobrança do cheque especial

A medida da CMN permite que os bancos possam exigir uma taxa de 0,25% sobre o valor disponível no cheque especial que exceder R$ 500. A cobrança começará a ser aplicada a partir desta segunda-feira (6) para aqueles que criarem novas contas.

Leia também: C6 Bank traz novidade para multiplicar dinheiro dos clientes

Já os correntistas já em funcionamento, terão que lidar com o reajuste a partir do mês de julho. Até lá, as instituições financeiras que aderirem a proposta deverão entrar em contato com seus clientes informando a nova cobrança.

Em caso de taxação sem aviso prévio, é possível que o titular da conta entre em contato com o Procon abrindo um processo de reparação financeira. O órgão poderá multar o banco e ressarcir o cliente pelo transtorno.

Cálculo da taxa

O cálculo terá como base o limite do cheque-especial. No caso dos clientes com um teto de R$ 10.000 pagará (por mês) 0,25% sobre R$ 9.500 – o equivalente a R$ 23,75. Utilizando o crédito essa quantia será descontada do valor que ele terá de pagar em juros.

Posicionamento do C6 Bank e demais bancos sobre a tarifa

Além do C6 Bank, outras instituições já se posicionaram. O Banco do Brasil, por exemplo, também informou que não irá exigir a taxa extra.

O Bradesco segue na mesma linha e disse que até junho não irá aplicar o reajuste. Entretanto, reforçou que há uma possibilidade de acréscimo após a avaliação do impactos do novo limite de 8% ao mês (ou 150% ao ano) no cheque especial.

Na Caixa Econômica Federal, os clientes também não precisarão se preocupar com novos valores, mas no futuro pode ser que o banco reavalie a proposta se achar que está tendo perda financeira.

Até então, apenas o Santander (dos maiores bancos) irá passar a cobrar a taxa de taxa de 0,25%. Procurada, a instituição não informou os motivos pelos quais aderiu a medida.

 

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

C6 Bank faz anuncio surpreendente sobre cobrança do cheque especial

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA