Bolsa Família para crianças e adolescentes tem valor diferenciado

Considerado o maior programa social do país, o Bolsa Família atende mais de 13 milhões de famílias que estão em situação de pobreza ou extrema pobreza. Iniciado desde o ano de 2003, o projeto tem como missão ajudar os cadastrados financeiramente por meio de auxílios que variam de acordo com a situação de cada lar.

Bolsa Família para crianças e adolescentes tem valor diferenciado
Bolsa Família para crianças e adolescentes tem valor diferenciado

A quantia básica atualmente é de R$ 89,00, paga por pessoas que possuam uma renda máxima no mesmo valor.

Veja também: Pagamento do Bolsa Família vai subir em 2020

Entretanto, há reajustes com o intuito de incentivar a educação e o direito a saúde, por meio da obrigatoriedade dos jovens nas escolas e visitas médicas, por exemplo. Saiba quais são os tipos de acréscimos ofertados no Bolsa Família.

Benefícios Variáveis do Bolsa Família:

  • Benefício para gestantes, nutriz e 0 a 15 anos

Além do valor básico, as famílias que têm mulheres gestantes ou nutrizes (mãe que amamentam) recebem cada uma uma quantia de R$ 41,00. O valor pode ser ofertado para até 5 membros, chegando a R$ 250,00 por mês.

O pagamento também acontece para os lares que possuam crianças e adolescentes de 0 a 15 anos. No caso daqueles acima dos três 3 anos, precisam estar devidamente matriculados nas escolas públicas e ter uma frequência de 75% para poder receber o auxílio.

  • Benefício Variável Jovem:

Nesse caso são contemplados os jovens entre 16 e 17 anos que também estejam frequentando a escola. O valor do benefício é de R$ 48,00 por mês e cada família pode acumular até duas parcelas, totalizando R$ 96,00.

  • Benefício para Superação da Extrema Pobreza:

Essa bolsa contempla às famílias em situação de extrema pobreza. O pagamento é realizado mensalmente e seu valor varia de acordo com a renda das famílias cadastradas. O programa contabiliza os dados fornecidos pelos beneficiários de modo que possa definir quanto será ofertado.

Abono Natalino

Nesse caso, por se tratar de um abono, a quantia é destinada para todas as famílias cadastradas. O pagamento aconteceu no mês de dezembro de 2019 pela primeira vez, e o valor é igual a parcela recebida por cada família no mês comum.

Trata-se de um 13º salário do Bolsa Família, pago junto com o auxílio de dezembro.Essa medida, em específico, foi concedida por meio do governo de Jair Bolsonaro. Por estar ainda em tramitação no Congresso, não se pode afirmar se ela será repetida em 2020.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Bolsa Família para crianças e adolescentes tem valor diferenciado

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA