Anunciadas novidades para prova de vida do INSS em 2020

Para o próximo ano, 2020, o presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Renato Vieira pretende implantar novidades para que os beneficiários realizem a prova de vida do INSS. Trazendo mais tecnologia e flexibilidade para a regra.  

Esse foi o primeiro ano de Renato Vieira à frente do INSS, o gestor comemorou a digitalização dos requerimentos de todos os auxílios e também a concessão desses benefícios de forma mais rápida. 

Segundo o presidente do órgão, a novidade para o próximo ano é a implantação da prova de vida por biometria, de forma definitiva. 

Veja mais: Revisão dos benefícios do INSS pode ser barrada por governo

A prova de vida do INSS, é um requisito obrigatório desde o ano de 2012, para que os beneficiários continuem recebendo o seu dinheiro. Essa medida é uma forma de evitar fraudes e pagamentos indevidos.

O método de trazer a prova por biometria será realizada por meio da impressão digital do beneficiário, no aplicativo Meu INSS, pelo celular. 

Segundo o presidente do INSS, a expectativa é de que essa ferramenta esteja disponível para os usuários no primeiro semestre do próximo ano. 

A facilidade na realização permitirá que os 35 milhões de beneficiários do INSS cumpram com o requisito obrigatório sem sair de sua casa.

Atualmente, esse processo é feito na rede bancária, que determina uma data para que os beneficiários compareçam até a agência para fazer o procedimento. 

Essa novidade será benéfica também para os beneficiários com dificuldade de locomoção e com mais de 60 anos. Já que para eles é necessário que alguém do órgão vá até a residência e faça essa comprovação.

A modernização vai evitar que os segurados tenham seu dinheiro bloqueado ou cortado devido a demora na comprovação do uso do salário, por meio da prova de vida do INSS.

O órgão do governo está estudando trazer outras novidades aos seus beneficiários, como a concessão de benefícios por meio administrativo, de entendimentos consolidados na Justiça a favor dos seus segurados.

Isso significa que se tiver jurisprudência em torno de uma regra, que não estiver de acordo com as normas do instituto, o beneficiário não precisa mais entrar na Justiça para que o seu direito seja aplicado.

Em entrevista ao jornal  EXTRA, Vieira antecipou que o calendário para a realização de pagamentos de 2020 será disponibilizados nesta segunda-feira, 16 de dezembro, no site do INSS.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.