Fim do churrasco? Preço do frango e porco também sobem

Desde o mês de  outubro a carne de boi vem apresentando uma elevação no preços, isso se deu pelo fato de um consumo maior por parte dos estrangeiros. Após o aumento nas carnes de boi por todo o país, foi a vez de subir o preço do frango e da carne suína. Será que o brasileiro terá de acabar com o churrasco aos finais de semana?

Fim do churrasco? Preço do frango e porco também sobem
Fim do churrasco? Preço do frango e porco também sobem

Esse foi o maior aumento da carne em 2 anos, e os responsáveis por elevar o preço das carnes no país foi a China.

O país asiático está enfrentando um surto de peste suína que já matou mais de 7,5 milhões de porcos na Ásia. Com isso, tem pedido muito mais da produção brasileira e influenciando na diminuição das ofertas, já que o número de animais disponíveis para abate estão abaixando. 

Leia também: Boicotar compra de carne não diminuiria valor do produto, dizem especialistas

A venda das carnes suínas brasileiras para o exterior movimentaram na economia US$149 milhões durante o mês de novembro desse ano. Ao comparar o mesmo período com o ano passado, é possível observar que o aumento foi de 42% nas vendas.

Foram exportadas 59 mil toneladas de carne de frango para a China, se comparar esse período com o mesmo do ano passado é possível notar um aumento de 61% nas exportações.

Apesar desse aumento repentino nas exportações, o presidente da associação que representa os frigoríficos de frango e de suínos (ABPA), Francisco Turra diz que não há possibilidade de desabastecimento do mercado brasileiro, mesmo que o aumento da procura pelo mercado externo não tenha sido planejada. 

Além disso, Turra disse que mesmo investindo no setor não tem como suprir as necessidades do mercado exterior.

“Nem nós, nem a União Europeia, nem Estados Unidos estamos em condição de atender. No ano passado, a exportação como um todo de carne suína foi de 8,5 milhões de toneladas (no mundo), a perda deles (asiáticos) foi de 14 bilhões de toneladas”, diz Turra.

Os chineses até habilitaram vários frigoríficos durante o ano, para que esses pudessem exportar carne para o país. Porém mesmo com isso os produtores não estão dando conta, um dos frigoríficos habilitados pelos chineses estava um que fornece carne de jumento.

O brasileiro precisa se preparar, pois o preço do frango e da carne vermelha no país ainda devem continuar com preços altos por alguns meses, até a oferta de animais voltar a crescer e a situação dos chineses se normalizar.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Fim do churrasco? Preço do frango e porco também sobem

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA