Pagamento do IPVA 2020: parcelar ou pagar á vista? Entenda melhor opção 

O ano de 2020 está chegando e com ele vem os impostos de início do ano como o Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor (IPVA). O tributo é um documento obrigatório para quem possuí qualquer veículo. A dúvida é se financeiramente compensa o pagamento do IPVA à vista ou parcelado.  

Pagamento IPVA 2020: parcelar ou pagar á vista? Entenda melhor opção 
Pagamento IPVA 2020: parcelar ou pagar á vista? Entenda melhor opção

No momento de decidir a opção de pagamento o contribuinte deve levar em conta vários fatores oferecidos pelo estado. Já que o IPVA é um imposto estadual.

Primeiro o motorista deve procurar saber qual o desconto oferecido na sua região para o pagamento à vista. 

Leia também: Devedores do IPVA de Pernambuco podem receber 70% de descontos nos débitos

Em alguns estados como, por exemplo, São Paulo, o desconto é de 3% para o pagamento do IPVA à vista. Apesar do desconto pequeno, esta é uma boa escolha para aqueles que têm uma quantia guardada ou aplicada, mesmo que na poupança, pagarem o imposto de uma única vez.

A opção a vista ainda garante que o contribuinte não esqueça do pagamento do imposto, e depois tenha que pagar multa e juros pelo atraso. 

Já para aqueles contribuintes que estão endividados, o parcelamento pode ajudar no equilíbrio das finanças.

Os que quiserem parcelar precisam consultar as condições de parcelamento do seu estado, já que as parcelas e valores variam de uma região para outra.

Fique atento aos valores das parcelas e as datas de vencimento, para não esquecer ou atrasar, pois isso gera multa e juros.

Não é recomendado que o contribuinte entre em cheque especial ou rotativo no cartão de crédito para realizar o pagamento do IPVA, pois os juros cobrados são muito altos, acima de 270% ao ano. Isso pode trazer ainda mais dívidas a quem já está endividado.

Para consultar os valores, formas de pagamento, datas de vencimento é necessário que o motorista entre no site do Detran ou da Secretaria da Fazenda de seu estado e realize as consultas.

Vale lembrar também que sem o IPVA pago, não é possível realizar o licenciamento do veículo. Além disso, dirigir com IPVA atrasado é considerada infração gravíssima e pode acarretar em multa. 

O atraso também resulta em nome sujo, ou seja, será mais difícil para que a pessoa consiga crédito financeiro.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.