Próximo da primeira data de pagamento do fundo de garantia, os trabalhadores devem estar atentos ao valor creditado na conta

A partir do dia 13 de setembro o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), vai estar disponível para saques de até R$500 de contas ativas e inativas. Os pagamentos são dedicados aos trabalhadores com poupança na Caixa Econômica Federal, e correntistas que autorizaram o crédito. Para saber qual o saldo total disponível em conta, o beneficiado pode acessar o aplicativo FGTS e inserir seus dados para identificação.

Não são todos os trabalhadores que poderão retirar os R$500 disponíveis, isso porquê, possuem menos do que esse valor creditado no fundo. Em contra partida, outros funcionários podem receber mais do que o estabelecido, pois além da conta ativa têm saldo superior a R$500 na conta inativa. Vale dizer, que o dinheiro depositado em contas inativas não rendem mensalmente, pois estão poupados desde a demissão por justa causa do funcionário e quando forem retirados não serão substituídos.

Ao contrário do fundo do emprego atual que todos os meses recebe uma parcela do salário bruto. A consulta no App auxilia o usuário que deseja saber a quantia disponível atualmente no fundo e pode definir se vale a pena retirar o valor, ou, se prefere deixar que a quantia renda nos próximos períodos.

Os saques podem ser feitos até 19 de março de 2020, e são opcionais, por tanto quem não receber o fundo de garantia até essa data permite que o valor retorne para a conta naturalmente. O aplicativo também indica o calendário para pagamento, organizado pela Caixa.

Calendário para quem tem conta poupança na Caixa ou correntistas autorizados:

  • Nascidos em janeiro, fevereiro, março e abril: pagamento 13 de setembro;
  • Nascidos em maio, junho, julho e agosto: pagamento 27 de setembro;
  • Nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro: pagamento 09 de outubro.

Calendário para demais trabalhadores:

  • Nascidos em janeiro: recebem a partir de 18/10/2019;
  • Nascidos em fevereiro: recebem a partir de 25/10/2019;
  • Nascidos em março: recebem a partir de 8/11/2019;
  • Nascidos em abril: recebem a partir de 22/11/2019;
  • Nascidos em maio: recebem a partir de 6/12/2019;
  • Nascidos em junho: recebem a partir de 18/12/2019;
  • Nascidos em julho: recebem a partir de 10/1/2020;
  • Nascidos em agosto: recebem a partir de 17/1/2020;
  • Nascidos em setembro: recebem a partir de 24/1/2020;
  • Nascidos em outubro: recebem a partir de 7/2/2020;
  • Nascidos em novembro: recebem a partir de 14/2/2020;
  • Nascidos em dezembro: recebem a partir de 6/3/2020.

O App FGTS está disponível nas lojas Play Store e App Store, e pode ser baixado de forma gratuita. O login pede número de NIS ou CPF do trabalhador, e solicita a criação de uma senha de acesso que também servirá para as próximas consultas.